SOCIEDADE ASTRONÔMICA BRASILEIRA

ENSINO DE ASTRONOMIA: UMA SALA DE AULA A CÉU ABERTO (CO27)

Autores: 

Tassiana Fernanda Genzini de Carvalho (Universidade de São Paulo/Pós Graduação Interunidades em Ensino de Ciências), Jesuína Lopes de Almeida Pacca (Universidade de São Paulo/Instituto de Física)

Palavras-chave: 

espaços não formais, laboratório não formal, ensino de astronomia; formação de professores

Recomendado por alguns documentos oficiais que permeiam a elaboração dos currículos escolares, os conteúdos de astronomia ainda aparecem timidamente na educação básica, devido à formação deficiente dos professores com relação ao conteúdo e dos materiais didáticos. Além disso também é fortemente recomendado o uso de espaços não formais de maneira aliada à educação formal. Com o número crescente de cursos para a formação continuada dos professores de ciências e física, escolhemos um desses cursos, que ocorreu em janeiro de 2012 para estudarmos como é que os professores compreendem os espaços não formais e quais as relações que eles estabelecem com eles, ao planejar uma visita. Concepções de aprendizagem influenciam fortemente as respostas dadas ao questionário aplicado, destacando que reconhecem os aspectos favoráveis de uma visita ao ensino formal como sendo o aspecto lúdico, motivador e ilustrativo. Trazemos a discussão para outro nível, propondo que se pense na aprendizagem que pode ocorrer nessas atividades, mais ligadas ao conteúdo oficial e aos aspectos curriculares das disciplinas.
 

Arquivo do Trabalho: 

application/pdf iconSNEA2012_TCO27.pdf

CONTATO

Sociedade Astronômica Brasileira
Rua do Matão, 1226 - Cidade Universitária - USP
CEP 05508-900 - São Paulo - SP
Tel: (11) 98154-8772 - e-mail: secret@sab-astro.org.br/ sab.secretaria.email2@gmail.com
Horário de atendimento: Terça e Quinta-feira das 09h00 às 12h00 e das 12h30 às 15h00
Powered by Wild Apricot Membership Software